Assine a nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo

botoeira-no-touch

Como a botoeira no touch promove maior segurança na indústria de alimentos?

A Botoeira No touch garante a abertura das portas rápidas sem qualquer contato com sensor. Entenda mais sobre essa tecnologia!

Diante do crescimento de casos do covid-19, novas tecnologias estão surgindo ou sendo implantadas como forma de segurança para evitar que ainda mais casos surjam. Entre essas novas tecnologias, podemos destacar a botoeira no touch, que realiza a abertura de portas por meio da aproximação no botão.

O governo tem periodicamente apresentado medidas cada vez mais restritivas para evitar um aumento ainda maior de casos. No entanto, algumas indústrias não podem suspender as suas atividades, já que são consideradas essenciais para o sustento de toda população, como é o caso das indústrias de alimentos.

Diante desse cenário, os setores da economia passaram a seguir uma série de protocolos e alguns até chegaram a realizar mudanças em sua operação com o objetivo de promover maior segurança aos colaboradores e evitar um possível surto dentro da empresa. Entre as medidas tomadas foram o uso de máscaras, distanciamento social, higienização das mãos com álcool em gel, aferição da temperatura e outras tecnologias que reduzem as chances de contágio.

Os cuidados dentro da Indústria de Alimentos!

A indústria de alimentos é considerada uma das mais importantes, pois além de ser um dos setores que mais apresenta crescimento ao longo do ano, a sua produção é essencial para a sobrevivência da população.

Em tempos de pandemia, a indústria apontou crescimento na demanda, visto que as pessoas passaram a consumir mais alimentos em suas casas, além das compras serem mais concentradas. Somente no primeiro semestre de 2020 foram 0,8% a mais de faturamento e 2,7% a mais de produção, segundo a ABIA, Associação Brasileira da Indústria de Alimentos.

Mesmo antes da chegada do vírus, o setor sempre teve que apresentar uma série de medidas e cuidados para evitar possíveis contaminações cruzadas. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), quase 35% dos surtos de doenças que ocorrem através da transmissão de alimentos contaminados no Brasil estão relacionados ao consumo de crus, como ovos e carnes vermelhas. Desses casos, pelo menos 25% são provocados por contaminação cruzada, como resultado de falta de higienização das mãos, equipamentos ou utensílios, além de problemas de logística e na separação e armazenamento dos mesmos.

Após o surgimento do novo Coronavírus, uma nova preocupação foi instaurada dentro dessa indústria, já que é necessário mais segurança para evitar contaminações na planta industrial. De acordo a Autoridade Europeia de Segurança dos Alimentos (European Food Safety Authority – EFSA), não existem evidências de transmissão direta, mas é possível que o vírus fique alojado em superfícies de objetos e alimentos contaminados através do contato com pessoas infectadas. Tal fato promove que investimentos sejam realizados em tecnologias que evitem o contato, como a botoeira no touch, protocolo este que também é recomendado pela OMS.

Portanto, vale assim dizer que é fundamental que a indústria siga todos os protocolos recomendados para evitar possíveis transmissões, tanto entre os colaboradores, quanto para os alimentos e produtos.

Tecnologias para evitar o contágio do Covid-19 na indústria de alimentos

A Rayflex, empresa referência no mercado de portas rápidas para o setor industrial e com mais de 30 anos de atuação, possui soluções focadas no combate ao Covid-19 na indústria de alimentos.

As portas rápidas da Rayflex são usadas como barreiras sanitárias e que realizam a separação de diferentes ambientes na indústria com alta performance de vedação, evitando a entrada de possíveis contaminantes em locais que exigem maior controle, como as salas limpas ou classificadas. Outros benefícios que as portas rápidas garantem a sua indústria são o aumento da produtividade e a redução de custos.

Pensadas para promover ainda mais segurança, em especial aos colaboradores, as portas rápidas Rayflex possuem o sistema de abertura através de botoeira no touch. O comando de abertura das portas ocorre por meio do movimento do braço ou das mãos, sem a necessidade de qualquer contato com o sensor.

Para saber mais sobre as portas rápidas e solicitar um orçamento sobre a botoeira no touch para o controle de acesso industrial, entre em contato agora mesmo com um de nossos consultores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *